Astrólogo Luis Moniz

 

 

           

                                                                                                                              

Amor e Medo

 

 

Às vezes não se encontra com os outros, com o medo de não se encontrar a si .

Mas, não pode amar o que não conhece, nem pode haver Amor e Compreensão com quem não está à vontade.

 

É urgente identificar este medo e ansiedade que se encontra no seu interior e que projecta, inconscientemente, nos seus relacionamentos.

Só adquirindo outros níveis de percepção e consciência, pode atingir a Liberdade e a Compreensão inerentes á vida amorosa.

 

Neste contexto, a verdade é que o seu Eu Superior é livre de desejos, inseguranças e carências.

Aliás, estes elementos desestabilizantes criam o medo de não obter o que inconscientemente necessita nos relacionamentos. 

Tudo isto constitui uma tortura terrível que deve voluntariamente recusar a tolerar, por mais tempo.

 

 

Os relacionamentos são oportunidades para exercer com elevação a Consciência, a Liberdade e a Compreensão inerentes à vida Humana.

 

 

Então, mediante a nova percepção, cria a capacidade de entender que todas as relações humanas não são desinteressadas – são despreocupadas.

 

 

Amar é dar a vida aos outros, que tem em si própria!

Amar é partilhar quem é – e não negociar o que tem com aquilo que os outros podem ou querem dar!

 

 

Certamente, já chamou amor às suas carências, dependências, ilusões e adaptações, sem compreender que Amor significa abundância, liberdade e compreensão.

 

 

O que se passa, regra geral, é que procura nos outros o espelho para ver quem é, e depois perceber o que precisa. E, assim, vai de “espelho” em “espelho” e às vezes pensa que se engana nos relacionamentos, mas a verdade é que nunca se engana, aliás, por mais catastrófica que seja uma relação é sempre a que necessita para projectar e identificar o que precisa.

 

Assim, vai atrair a relação que precisa para desenvolver a sua personalidade!

Não tem de amar o que deseja! Tem é de desejar quem ama!

 

O falso amor não tem naturalidade e é sempre trágico nos resultados.

O Amor não é o que a mente humana condicionada quer que seja, mas o que realmente é … Vida / Consciência Divina !!!

O Amor por ter atingido a justiça conseguiu a paz, a beleza natural e a Compreensão Divina / Cósmica - Universal!

 

O Amor não parte da emoção, mas sim da Compreensão!!!

 

A paixão escraviza!

O Amor liberta!

 

Marte representa o desejo e expressa a vontade irracional, impulsiva,    relativa ao fogo; ligado à individualidade egocêntrica!

Valoriza o que deseja, exige retribuição e possui a chama da paixão!

 

Vênus significa a saída da dualidade, através da escolha, de acordo com quem somos e com o que precisamos em cada momento!

Unifica e aperfeiçoa pelos afectos e equilíbrio, a partir da dualidade!

 

Neptuno Ama na imperfeição e liberta pela Consciência Universal!

 

 

                                                                                                    Aquele abraço

                                                                                                                          Luís Moniz